domingo, 27 de dezembro de 2009

Cuide para que suas palavras sejam melhores que o teu silêncio.




Quando se fala em público, principalmente quando se defende uma tese, tal como, na honrosa advocacia criminal perante o sacro-santo Tribunal do Júri, tem-se que ter em mente a importância de cada palavra proferida. Em primeiro lugar, só se convence quando se está convencido. Ninguém convence alguém de algum fato, se propriamente não acredita. Num discurso veemente não existem meias verdades. Ou é, ou não é.


Portanto, um bom discurso é aquele revestido de convicção, de segurança naquilo que se prega. Além disso, um bom discurso é aquele que mantém firme coerência no desenvolvimento dos argumentos. É aquele que propõe uma conclusão, mas, não deixa de lado a introdução e o desenvolvimento.


Por fim, o estudo prévio daquilo que se vai dizer é fundamental, pois, a boa oratória sucumbirá ante a ausência do conhecimento. Só assim é possível transformar sua tese num discurso persuasivo e obter grande sucesso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário